Pular para o conteúdo principal

Repercussão estadual...

O rompimento do ex-prefeito Cid Arruda com o sistema  governista foi destaque em blogs do todo o estado do RN.

Vejam o que escreveram sobre o tema alguns colegas blogueiros:

Blog do Diógenes (com espaço em nominuto.com)

A nomeação da mulher do prefeito de Nova Cruz, Flávio Azevedo (PMDB), para o cargo mais importante do governo na região Agreste - a Dired (Direção Regional de Educação) - foi o estopim da crise que resultou no rompimento entre Cid Arruda e o Governo Rosalba e, por consequência, o vice-governador Robinson Faria (PMN).

Apesar de ter sido um adversário histórico de Robinson, Flávio Azevedo não teve dificuldade para emplacar Ana Karla Cartaxo Azevedo na 3ª Dired, que congrega 18 municípios no Agreste.

Ana Karla não tem formação pedagógica. É bioquímica. Nunca deu aula.

Cid Arruda viu nessa nomeação uma opção da governadora Rosalba Ciarlini e de Robinson Faria pelo grupo político de Flávio Azevedo.

"É inexplicavel que o maior cargo da Região Agreste não possa ser ocupado por uma indicação do vice-governador e sim pelo poucos prefeitos do PMDB", comentou uma fonte ligada a Cid Arruda.

O ex-prefeito Cid Arruda sempre soube dos laços de amizade que unem Ana Karla a Rosalba Ciarlini. O pai da nova diretora da Dired foi professor da governadora no curso da Faculdade de Medicina em João Pessoa (PB).

Ana Karla, mesmo sendo Secretaria de Ação Social em Nova Cruz, tinha um cargo no gabinete da então senadora Rosalba Ciarlini, segundo informações que chegaram a Cid Arruda.

Blog da Thaisa Galvão:

O sábado marcou o primeiro rompimento de uma liderança política do interior com a governadora Rosalba Ciarlini. Depois de muito pedir votos para a Rosa Gove, o ex-prefeito de Nova Cruz, Cid Arruda Câmara, rompeu com o governo. Hoje, no programa que apresenta aos sábados na emissora de rádio que integra o sistema governista na cidade, Cid decretou, com todas as letras, o rompimento com Rosalba. "Me desculpem as pessoas que eu pedi pra votar na Rosa. Eu acreditava que tudo ia dar certo. Eu acreditava que Robinson Faria seria o governador no Agreste, mas não foi tudo que pensávamos. Não vou deixar de fazer política. Política não se faz somente na rádio. Pode ser feita com alto falante ou qualquer outra coisa. Não me ausentarei da minha terra e se for vontade do povo da minha querida Nova Cruz, serei candidato em 2012", declarou emocionado Cid Arruda, dizendo ter sido este o seu último programa de rádio. Chateado com a Rosa, entregou as benesses cor-de-rosa ao prefeito adversário Flávio Azevedo. "Está aí Flávio, você agora tem todos os cargos da cidade. Não era o que você sempre quis? Creio que até a rádio estará à sua disposição", concluiu Cid, que ficou chateado ao assistir de camarote a nomeação, pela governadora, de Ana Carla Azevedo, mulher de Flávio, para a direção da Terceira Dired, apesar dela não ter sequer formação pedagógica. Vale lembrar que Cid Arruda é irmão de Domício Arruda, secretário de Saúde de Rosalba, e tio do publicitário Arturo Arruda, marqueteiro oficial da Rosa Gove. Além de ter sido, até agora, chefe de gabinete do ex-presidente da Assembleia, e atual vice- governador, Robinson Faria.

Blog do Oliveira Wanderlei:

Com pouco mais de um mês à frente do Governo do Estado, a governadora Rosalba Ciarlini sofre a primeira baixa no seu sistema político.

O ex-prefeito de Nova Cruz, Cid ArrudaCâmara, anunciou neste sábado(5) seu rompimento com o Governo Rosalba.

Anúncio foi feito durante o programa que ele apresentava aos sábados na rádio FM Agreste, que pertence ao vice-governador Robinson Faria

As minhas desculpas às pessoas que eu pedi para votar na Rosa”, bradou Cid, anunciando seu rompimento com a gestão de Rosalba.

Cid afirmou que confiou em Rosalba e apoiou sua candidatura devido a amizade que gozava com o vice-governador Robinson Faria.

O meu apoio político foi em função a minha amizade e lealdade a Robinson Faria. Eu mantive a minha coerência e segui Robinson Faria”, frisou Cid.

Acrescentando: “Eu acreditava que tudo ia dar certo e que Robinson Faria seria o governador do Agreste, mas não foi tudo que pensávamos".

E emendando: “Rompendo com o Governo não posso ficar em um grupo político cujo líder é o vice-governador do Estado e secretário deste mesmo Governo”.

E arrematando: “À Rainha tudo, menos a honra”. (Parafraseando o novacruzense deputado federal Djalma Marinho, que disse: "Ao Rei tudo, menos a honra").

Entre outras coisas, Cid não gostou nadinha da governadora Rosalba Ciarlini ter indicado para ocupar a 3ª Dired a mulher do prefeito Flávio Azevedo, Ana Carla Azevedo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Já está disponível a inscrição para professor temporário para o estado do Rio Grande do Norte. 


O candidato que desejar concorrer a uma vaga deve preencher a ficha, fazer o pagamento da inscrição, efetuar o pagamento da taxa de inscrição e  entregar todos os documentos na respectiva DIRED do município para qual optou na Ficha de Inscrição, até às 13 horas, do dia 10 de maio de 2017.

Para ter acesso a inscrição CLICK AQUI.

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...

Tudo dentro do Script.
Sabe aquele filme de terror que tem muita trama, mentiras, traições, mas todo mundo sabe como acaba. Foi assim com a votação do Projeto de Lei 006/2017 enviado pelo prefeito de Nova Cruz, Targino Pereira e aprovado pela maioria absoluta da Câmara Municipal de Nova Cruz.
A Sessão Ordinária desta sexta-feira (30), mas que teve sabor de 13, marcou o fim dos trabalhos do primeiro semestre do Edis, mas manchou de forma imensurável a educação do município de Nova Cruz de forma negativa.
Um resultado previsível que ficou evidente que aconteceria logo após a realização da audiência pública pela clara posição dos vereadores naquele momento.
Não adiantou mostrar as perdas para a categoria e para os alunos, o plágio evidente do anexo IV de um projeto baiano; o não exito na cidade de Monte Alegre - RN quando foi lá implementado; a falta no documento de 10 anexos, dentre muitos outros melíficos que estavam nas entrelinhas.
Valeu de fato a submissão da bancada governista ao Poder …

Política: O que muda para Nova Cruz com o governo Targino Pereira...