Contradições entre receita e despesas...

Os prefeitos potiguares vivem um momento delicado mas, também, contraditório. Se por um lado trazem queixas da falta de recursos financeiros, por outro investem alto em shows de Carnaval. De um lado contabilizam R$ 21 milhões a serem recebidos do governo estadual, por outro contemplam a perspectiva de 30% de queda do Fundo de Participação dos Municípios no mês de março.

Nesse ambiente, há o caso, inclusive, de prefeituras que exoneraram secretários no mês de janeiro para garantirem os festejos de Momo.
 
Nova Cruz, por exemplo, investiu R$ 170 mil reais para realizar os festejos de carnaval.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...