Professores decidem manter a greve...

Mesmo antes da Justiça definir pela legalidade ou não da greve, na manhã desta terça-feira (05) os professores do RN decidiram por continuar o movimento grevista.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande do Norte tem até às 18h de hoje (5), para se defender na Justiça sobre o pedido de ilegalidade da greve da categoria, feito pela Procuradoria Geral do Estado.

Porém, em assembleia na manhã de hoje (5), na Escola Winston Churchill, a categoria decidiu manter o movimento por tempo indeterminado. Sendo assim, caberá ao desembargador julgar se os argumentos dos professores são legais ou não.

Segundo o que foi discutivo, a greve só deve ser suspensa se forem adotadas imediatamente as regras estipuladas na Lei Estadual 11.738, junto com o Plano de Cargos, o que garantiria um acréscimo médio de 34% nos salários, além de uma proposta de pagamento do valor retroativo ao mês de abril.


A direção do Sinte convoca os trabalhadores em educação da rede estadual para uma nova assembleia no próximo dia 8 de julho (sexta-feira). O encontro será na Escola Estadual Winston Churchill, às 14h30.

Parada Nacional é nesta quarta-feira


Haverá parada nacional nesta quarta-feira (6). Este é o dia de lançamento da Jornada Nacional pelo Piso, Carreira e PNE, promovida pela CNTE e pela CUT. A mobilização se estende a todos os estados e municípios.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...