Não poderia ser diferente...

Sinte-RN reage as declarações da Secretária de Educação.

Depois das declarações da Secretária Estadual de Educação, Betânia Ramalho, no último domingo na qual afirma que o governo terá tolerância zero para greve, o Sinte rebate.

Fátima Cardoso usou algumas frases para comentar a fala de Betânia:

"Foi um posicionamento muito autoritário e conservador de lidar com os professores demonstrado pela secretária"

 "Muito me estranha esta posição de Betânia. Não esperávamos este perfil dela. Do governo sim, mas não dela."

A categoria pretende, em breve, entrar em conversas para uma possível nova paralisação, nos moldes da acontecida no início do ano passado. "Faremos uma assembleia com a categoria para discutir a atual situação da correção dos salários, porque o governo ainda não se pronunciou sobre a portaria de reajuste do piso", confirmou Fátima. A assembleia do Sinte está marcada para o dia 29 de fevereiro, na Escola Estadual Winston Churchill. O documento a que a sindicalista se refere é a Portaria Interministerial nº. 1809, publicada pelo Ministério da Educação no dia 29 de dezembro do ano passado, que diz respeito ao reajuste do piso salarial profissional nacional do magistério (PSPN).

Fonte: dnonline

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Nova Cruz não tem como dar incentivo fiscal a empresa, diz Prefeito Targino Pereira, em matéria da InterTV...