Pular para o conteúdo principal

Quer um emprego: Fique atento...

As 15 perguntas que podem fazer o candidato engasgar na entrevista.

Para quem está desempregado por um grande período ou para aqueles profissionais que buscam uma mudança na carreira, conseguir uma entrevista de emprego pode ser considerada uma vitória. Mas é preciso estar atento às perguntas, principalmente àquelas com duplo sentido, para não cair em “pegadinhas” e não engasgar na hora de falar. É dessa temática que trata a segunda reportagem da série do Boa Chance sobre entrevistas de emprego.

Do outro lado da mesa, gerentes de RH passam horas e mais horas entrevistando um candidato atrás do outro. E uma pergunta complicada pode ser usada como ferramenta para economizar tempo, eliminar rapidinho um candidato menos qualificado ou descobrir que tipo de profissional você realmente é — diz Joyce Lain Kennedy, autora de coluna sobre carreira e do livro “Job interviews for dummies”, em artigo publicado pelo site da revista Forbes.

Segundo Joyce, é importante saber ler nas entrelinhas e se preparar bem para não queimar o seu filme e ser eliminado de cara da seleção. Levando isso em conta, o Boa Chance elegeu 15 perguntas difíceis de responder listadas pelos sites da Forbes e da Monster França. Confira, abaixo, quais são elas e a melhor forma de respondê-las, segundo os especialistas:

"Fale um pouco sobre você"

Os primeiros segundos podem ser determinantes para um recrutador formar uma opinião sobre a motivação real de um candidato a partir dessa pergunta. O ideal é responder de forma persuasiva e concisa, pois um discurso longo corre o risco de entediar o interlocutor. É o momento para demonstrar que você é a pessoa que melhor corresponde às expectativas do empregador por causa de seus valores, experiências, motivação e capacidade de organização.

''Por que você está sem trabalho há tanto tempo, e quantos outros foram demitidos?''

Com esta pergunta, o entrevistador quer saber se há algo errado com você ou se as circunstâncias do mercado, como uma crise econômica e cortes no orçamento, afetaram outros funcionários também ou só você foi demitido. Em vez de responder à pergunta diretamente, e arriscando uma resposta emocional, e ser mal interpretado, diga que sempre deu o máximo para o bom desenvolvimento do trabalho, não se importando de fazer horas extras, mesmo que não tenha recebido a mais por isso.

''Se você está empregado, como você consegue tempo para as entrevistas?''

Na verdade, o entrevistador está querendo saber se você está mentindo para o seu atual chefe, enquanto procura outro trabalho, e que, futuramente, poderia enganar o seu novo empregador também. Nessa hora, o melhor é enfatizar que está particularmente interessado na vaga oferecida e que está usando um tempo de folga para participar da entrevista.

''Como você se preparou para esta entrevista? ''

A intenção desta pergunta é decifrar o quanto você realmente se interessa pelo emprego ou se você está simplesmente indo na onda e improvisando. Mostre que fez o dever de casa, pesquisando sobre a empresa e seu negócio, nem que seja no próprio site da companhia. Revele o seu conhecimento sobre a indústria, empresa ou departamento, fazendo perguntas e comentando o desempenho recente da organização.

"Como você trabalha sob pressão?"

O recomendado é mostrar que o estresse não é um problema e que faz parte do trabalho. Se possível, ilustre com situações já vivenciadas em que precisou atuar sob pressão. Pode pontuar que a pressão pode servir também como um combustível para agir de maneira ainda mais eficaz, mas diga também de que maneira procura compensar isso e como busca relaxar após uma situação estressante.

''Você conhece alguém que trabalha para nós? ''

Este realmente é uma pergunta complicada, porque a maioria dos entrevistados acredita que conhecer alguém dentro da empresa conta pontos no processo de seleção. Nada melhor do que um amigo entregar diretamente seu currículo no RH ou ao gestor da vaga, certo? Mas, antes de tudo, é importante saber se o seu contato tem uma imagem positiva dentro da empresa. Como o entrevistador provavelmente vai associar características do amigo e sua reputação com os seus méritos, é recomendável que apenas mencione o seu nome e torça que ele seja bem-visto junto aos colegas e à chefia.

"Como se vê daqui a cinco anos?"

Demonstre que tem um plano de carreira, que deseja progredir e que consegue, sim, projetar seu futuro próximo. A ambição, desde que não demonstrada de forma excessiva, costuma ser bem-vista pelos recrutadores. É recomendável também explicitar conhecimento acerca da realidade atual de trabalho (alta rotatividade, instabilidade econômica etc.) e deixe clara a sua capacidade para se adaptar a um cenário de mudanças.

"Você prefere trabalhar sozinho ou em equipe?"

É claro que essa resposta vai depender da vaga, mas, de forma geral, preferir a solidão não causa boa impressão. Hoje em dia, o trabalho colaborativo que é bem visto. O recrutador deseja conhecer sua capacidade de adaptação como líder ou membro de uma equipe. Procure usar exemplos em que foi bem sucedido nesse campo, mesmo que sejam fora da vida profissional, como em atividades esportivas, culturais ou voluntárias.

''Onde é que você realmente gostaria de trabalhar?''

O que o entrevistador quer saber é se você está aberto a qualquer oportunidade que possa aparecer. Por isso, não se deve mencionar outra empresa ou cargo em vista, já que o objetivo é destacar todas as competências e razões que o tornam perfeito para a vaga, e que você vai se dedicar ao máximo caso consiga o emprego. A melhor resposta é: “Aqui é onde eu quero trabalhar, e esse trabalho é o que eu quero fazer”.

"Como você organiza o seu tempo?"

Dê exemplos concretos que comprovem a sua organização e o fato de que você não costuma deixar trabalho acumulado. Se for o caso, pode até contar, de forma resumida, um dia de trabalho típico, mostrando como faz para executar todas as tarefas diárias.

''O que mais te incomoda em relação a colegas ou patrões?''

Cuidado para não cair nesta armadilha. Profissionais de RH podem utilizar esta pergunta para destrinchar se você vai ter dificuldade para trabalhar em equipe ou criar um clima, prejudicando o moral e a produtividade do seu setor de trabalho. Pense um pouco, diga que não lembra de nenhum caso em particular e elogie chefes e colegas. Isso irá revelar a sua visão positiva e seu autocontrole, e como você vai lidar com as dinâmicas sociais na nova empresa.

''Você pode descrever uma situação no trabalho ou na escola em que você estragou tudo?''

O objetivo, neste caso, é saber se você costuma repetir os mesmos erros e se é capaz de reconhecê-los e assumir a responsabilidade por suas falhas. A melhor maneira de responder é mencionar um único caso, de forma descontraída e sem entrar em detalhes, mas enfatizando que tenta não repetir os mesmo erros e que aprendeu a lição com a experiência .

"Você pretende ter filhos?"

É comum a questão do bebê aparecer para jovens mulheres, de maneira mais ou menos sutil. O recomendado é explicar que um filho não faz parte de seus planos no curto prazo. Depois de contratada, as coisas poderão evoluir, uma vez que você já terá demonstrado suas habilidades para o cargo. Se a candidata já tem filhos e a questão da disponibilidade de tempo é colocada como crucial, ressalte sua capacidade de se organizar e o fato de que, até o momento, conseguiu conciliar bem vida profissional e familiar.

"O que você achou da nossa entrevista?"

Nessa hora, procure evitar fazer comentários muito elogiosos. Responda que a entrevista foi interessante e diga o porquê. Insista na forma profissional como a entrevista foi conduzida e demonstre que houve uma troca muito positiva. Pode terminar dizendo que a qualidade da entrevista, caso realmente tenha sido boa, contribui para dar mais vontade de se juntar à empresa.

''Se você ganhasse na loteria, você continuaria trabalhando?''

Esta é uma outra oportunidade de ressaltar sua motivação e ética no trabalho. Embora a possibilidade de ganhar na loteria deixe qualquer um feliz, é hora de mostrar que não desistiu de sua vida profissional e está aberto a novos desafios

Fonte: Agência Brasil

Do Blog:

Claro que depois de tudo isso tem o seu poder de Q.I. (Quem Indica).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Já está disponível a inscrição para professor temporário para o estado do Rio Grande do Norte. 


O candidato que desejar concorrer a uma vaga deve preencher a ficha, fazer o pagamento da inscrição, efetuar o pagamento da taxa de inscrição e  entregar todos os documentos na respectiva DIRED do município para qual optou na Ficha de Inscrição, até às 13 horas, do dia 10 de maio de 2017.

Para ter acesso a inscrição CLICK AQUI.

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...

Tudo dentro do Script.
Sabe aquele filme de terror que tem muita trama, mentiras, traições, mas todo mundo sabe como acaba. Foi assim com a votação do Projeto de Lei 006/2017 enviado pelo prefeito de Nova Cruz, Targino Pereira e aprovado pela maioria absoluta da Câmara Municipal de Nova Cruz.
A Sessão Ordinária desta sexta-feira (30), mas que teve sabor de 13, marcou o fim dos trabalhos do primeiro semestre do Edis, mas manchou de forma imensurável a educação do município de Nova Cruz de forma negativa.
Um resultado previsível que ficou evidente que aconteceria logo após a realização da audiência pública pela clara posição dos vereadores naquele momento.
Não adiantou mostrar as perdas para a categoria e para os alunos, o plágio evidente do anexo IV de um projeto baiano; o não exito na cidade de Monte Alegre - RN quando foi lá implementado; a falta no documento de 10 anexos, dentre muitos outros melíficos que estavam nas entrelinhas.
Valeu de fato a submissão da bancada governista ao Poder …

Política: O que muda para Nova Cruz com o governo Targino Pereira...