Cid faz balanço das primeiras semanas de governo...


O prefeito Cid Arruda Câmara atendendo ao convite do jornalista Josenildo Monteiro concedeu uma entrevista ao Programa Jornal 99, 1ª edição na Rádio Talismã FM no início da tarde desta quinta-feira, 17, na qual fez um balanço das ações que já foram desenvolvidas pela sua administração nestes primeiros dias. Além disso, apresentou um raio-X das finanças e da estrutura do município encontrados por ele, herdados da administração passada.
Cid Arruda relembrou que a sua vitória nas eleições do ano passado, com a maioria de 2.544 votos, se deveu ao fato do caos administrativo promovido pelo então prefeito que era seu adversário. A população deu recado claro que Nova Cruz precisava mudar aquela situação: “estamos a duas semanas enfrentando um caos administrativo muito grande. Em quatro anos ele, o prefeito destroçou o município, tanto que ganhei as eleições folgadamente” – disse o prefeito Cid Arruda.
Ao apresentar o raio-X da estrutura por ele encontrada o prefeito enfatizou que na sede da Prefeitura, por exemplo, as instalações estavam danificadas, computadores tiveram seus HDs retirados, gavetas, cadeiras quebrados, cheques cancelados encontrados ao relento o que, inviabilizou as atividades iniciais da administração na própria prefeitura. Isso fez com que o prefeito tivesse que despachar durantes os três primeiros dias na Procuradoria do município, enquanto se providenciavam os reparos. Lembrou que ele empossou seus secretários na sacada da prefeitura de forma improvisada. Com relação à parte financeira, o prefeito Cid Arruda relatou que o município se encontra em situação de emergência em virtude dos inúmeros débitos deixados pela administração passada. Ele exemplificou o caso dos funcionários públicos municipais que tem empréstimos consignados com a Caixa Econômica Federal, cujos valores foram normalmente descontados de seus contra-cheques, mas que não foram repassados por diversas vezes pela prefeitura àquela unidade financeira para as devidas quitações o que resultou na inclusão dos nomes destes funcionários nos sistemas de proteção ao crédito – SPC/SERASA, o que evidencia atos de improbidade administrativa promovidos pela gestão passada. Outro fato citado pelo prefeito foi o da emissão de cheque sem fundo pelo ex-prefeito e os protestos de vários títulos emitidos e não pagos pela gestão passada, entre outros problemas de ordem financeira, fizeram com que o município fosse incluído no SERASA, desta forma Nova Cruz fica impossibilitada de realizar obras e fazer convênios, engessando a administração municipal. Neste sentido, o prefeito também informou que vai acionar a justiça a fim de conseguir uma liminar para realizar as ações financeiras necessárias para o bom andamento da administração.
Outro fator preocupante para o prefeito foi o do não pagamento de dezembro, promovido pela gestão passada, a vários funcionários municipais, inclusive sem haver empenho financeiro para esse fim. Em relação a isso, Cid informou que estes funcionários deverão entrar na justiça para os devidos pagamentos.
Nova Cruz foi prejudicado também com o desconto da primeira cota do seu Fundo de Participação – FPM, no dia 10 deste mês, promovido pelo INSS, o que resultou em saldo zero para o município, prejudicando ainda mais as projeções financeiras da atual gestão.
Com relação à reforma do Hospital Municipal Monsenhor Pedro Moura, que se arrastava há vários meses sem solução de continuidade pela gestão anterior, o prefeito Cid Arruda informou que ao realizar uma visita administrativa ao mesmo exigiu dos representantes da firma responsável um cronograma de trabalhos e o aumento do número de funcionários para celeridade da obra. Ainda com relação ao hospital, Cid afirmou que os atendimentos estão retornando à sua normalidade com as presenças de médicos e profissionais da área de forma efetiva.
Sobre o matadouro público, o prefeito está evidando todos os esforços possíveis junto aos órgãos competentes, como o Ministério Público e IBAMA para de forma temporária reabri-lo, paralelamente a isso também está lutando para o reinício e conclusão das obras do novo matadouro que estavam esquecidas. O prefeito relatou que está normalizando a limpeza pública e a coleta de lixo que para seu governo é uma das principais prioridades. E também a apreensão de animais soltos na cidade, imagem constante e negativa vista pelos novacruzenses durante a administração passada.
Por fim, o prefeito mesmo diante das dificuldades garantiu apoio a tradicional Festa de São Sebastião no final desta semana, através de uma parceria público – privada.
Encerrando a entrevista, o prefeito Cid arruda foi perguntado pelo jornalista Josenildo Monteiro se Nova Cruz “tem jeito”: “eu não sou um super-herói, mas com muito trabalho, dedicação à minha terra junto com meus amigos iremos, com certeza colocar Nova Cruz nos trilhos do rumo certo”.
A entrevista do prefeito Cid Arruda Câmara na Rádio Talismã, será reprisada neste sábado no programa Nação Nova Cruz na Rádio Agreste FM ao meio-dia. Confiram!
Assessoria de Comunicação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Nova Cruz não tem como dar incentivo fiscal a empresa, diz Prefeito Targino Pereira, em matéria da InterTV...