Multiclick é a bola da vez...

A Polícia Civil de Balneário Camboriú (SC) apreendeu carros e documentos da Multiclick , num inquérito que apura os crimes de lavagem de dinheiro e estelionato. A empresa também é investigada como possível pirâmide financeira que atraiu cerca de 300 mil pessoas. 
Com a medida, são ao menos cinco os negócios que, apresentados como marketing multinível , foram alvos de apreensão ou bloqueio de bens em 2013. Contra todos eles, pesam suspeitas de que serem disfarces para a constituição de pirâmides – fraude em que os investidores mais antigos são remunerados com o dinheiro dos mais novos. 
No caso da Multiclick, os interessados tinham de pagar taxas de adesão de R$ 600 a R$ 2.750. A promessa era de lucrarem de R$ 160 a R$ 800 por mês por meio da colocação de anúncios na internet e da atração de mais gente para a rede. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...