UFRN pública edital para concurso público...

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) está com inscrições abertas para o concurso público em diversas áreas, com um total de 23 vagas, para cargos de nível superior e intermediário profissionalizante ou com curso técnico. As inscrições podem ser feitas até o dia 17 de fevereiro. O concurso será executado pelo Núcleo Permanente de Concursos (COMPERVE), sob a coordenação da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGESP). A lotação dos candidatos aprovados vai depender do cargo escolhido, podendo ser em Natal, Caicó, Currais Novos ou Santa Cruz.
Para o nível de classificação “D”, intermediário, estão disponíveis vagas para Diagramador (3), Técnico em Artes Gráficas (2), Técnico em Eletrotécnica (1), Técnico em Segurança do Trabalho (1) e Técnico de Laboratório/ Logística (1). Na classificação “E”, nível superior, as vagas são para Analista de Tecnologia da Informação (3), Bibliotecário-Documentalista (1), Psicólogo Organizacional (1), Psicólogo Escolar (1), Sanitarista (2), Zootecnista (1), Contador (1), Médico/ Clínica Médica (3), Engenheiro de Segurança do Trabalho (1) e Fisioterapeuta (1).
Para as funções que exigem graduação em curso de nível superior, será cobrada uma taxa de inscrição de R$ 80 e a remuneração inicial é de R$ 3.138,70. Já para os de nível médio profissionalizante ou médio com curso técnico, a taxa de inscrição custará R$ 60 e a remuneração inicial será de R$ 1.912,99. Os exames, que serão aplicados às 8h do dia 16 de março, contarão com uma prova discursiva (redação) e questões objetivas de Língua Portuguesa (10), Legislação (10) e Conhecimentos Específicos (30). As inscrições devem ser efetuadas, via internet, pelo site da COMPERVE (www.comperve.ufrn.br), onde também estão disponíveis o edital e o formulário de inscrição do concurso.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...