Dilma cai sete pontos e tem 37% das intenções de voto...

A presidente Dilma Rousseff perdeu sete pontos percentuais das intenções de voto no primeiro turno, de acordo com pesquisa CNT/MDA divulgada nesta terça-feira (29) pela Confederação Nacional dos Transportes. 
Segundo a pesquisa, a presidente teria 37% das intenções de voto, se as eleições fossem hoje. Em fevereiro, esse percentual era de 43,7%. Aécio Neves (PSDB) cresceu de 17% para 21,6% e Eduardo Campos (PSB) de 9,9% para 11,8%. O percentual dos eleitores que pretendem votar nulo ou em branco passou de 20,4% para 20%.
Em relação ao segundo turno, diminuiu a diferença entre a atual presidente e os seus principais oponentes. Em fevereiro deste ano, Dilma tinha 46,6% contra 23,4% de Aécio Neves. No atual cenário, a petista caiu para 39,2% e o candidato tucano subiu para 29,3%. A diferença diminuiu, ainda, contra Eduardo Campos – em fevereiro, Dilma tinha 48,6% das intenções de voto e caiu para 41,3%, enquanto o ex-governador pernambucano cresceu de 18% para 24%.
Dilma também piorou o seu desempenho no quesito limite de voto. Segundo a pesquisa, o percentual de entrevistados que votariam apenas na atual presidente diminuiu de 26,7% para 23,2%. Por outro lado, aumentou o número de eleitores que não votariam em Dilma de jeito nenhum, de 37,3% para 43,1%. Outros 29,4%, contra 31,4% em fevereiro, disseram que ela é uma candidata em que poderiam votar.
Pesquisa
De 20 a 25 de abril, a Pesquisa CNT/MDA entrevistou 2.002 pessoas, em 24 unidades de federação, nas cinco regiões do país. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos, com 95% de nível de confiança. 

Fonte: IG

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Nova Cruz: Câmara Municipal mostra submissão ao executivo e aprova projeto que "enterra" direitos do professor...