Pular para o conteúdo principal

Os 5 "segredos" para o sucesso numa campanha eleitoral...

Toda campanha eleitoral de sucesso é composta por pelo menos 5 estratégias básicas, porém fundamentais para que se chegue a vitória, são elas:

1 - Planejamento: 

O planejamento é de extrema importância para o sucesso de uma campanha eleitoral, desenvolver um cronograma de trabalho, colocar no papel as tarefas a serem aplicadas antes e durante a campanha irá te ajudar a executar com maior precisão todo o processo que compõem uma eleição municipal. Organize sua agenda, estabeleça datas e metas, desenvolva um bom slogan, uma boa identidade visual de campanha para se comunicar claramente com seu eleitor, crie seu organograma de equipe e cronogramas de visitas, eventos e reuniões, elabore bem sua estratégia online antes de colocá-la em pratica, planeje e organize a estrutura financeira de sua campanha para não correr o risco de ter surpresas futuras.

2 – Formação de Equipe:

É essencial que você monte o “organograma”, onde você irá definir em uma tabela quem faz o que dentro da campanha. A eficiência não está ligada a quantidade de pessoas que a compõem, mas sim a qualidade e motivação com que essa equipe trabalha, seja ela constituída por seus apoiadores ou pessoas contratadas para trabalhar em sua campanha, todos tem que trabalhar motivados e em harmonia. Cada um em seu “quadrado”, focados em suas funções e resultados.

3 – Liderança:

Sendo o candidato, você deve demostrar liderança, tanto para sua equipe de trabalho quanto aos eleitores, ser carismático, comunicativo mostrar competência e apresentar resultados são qualidades admiráveis em um bom líder.

4 – Conquista do voto:

Quando queremos algum favor ou algo de outra pessoa temos que pedir, correto? Voto é a mesma coisa, só ganha, quem pede, coloque em sua cabeça: para conquistar o voto do eleitor você tem que PEDIR O VOTO! Quando você for à um evento, reunião, visita, passeata, seja qual for o seu compromisso de campanha, é fundamental que você esteja apresentável para cada ocasião, mas é claro, não queira usar terno se você não costuma usar no seu dia a dia, pois isso irá transparecer uma falsa imagem, seja ponderado. Cumprimente todos pegando na mão, olhe sempre nos olhos das pessoas, tenha sempre um sorriso no rosto, demostre simpatia, confiança, experiência e competência para exercer o cargo. Seja educado quando for abordar um eleitor para pedir o voto.

5 – Segmentando o eleitorado:


Não podemos esquecer que uma campanha eleitoral tem o objetivo de comunicar a mensagem certa para o eleitor certo. A segmentação do eleitorado, além de ser uma estratégia necessária, irá ajudar no tempo e deixar o custo da campanha mais baixo. Não queira sair atirando para tudo quanto é lado, achando que vai atingir todos os alvos. Em campanha eleitoral, isto não funciona. Se existe uma prática e que ninguém pode mais ignorar, é a segmentação do eleitorado. Lembre-se que você deve se preocupar em conquistar o voto do eleitor, mas mais importante ainda é mantê-lo, pois o voto “concreto”, você só terá no dia da eleição.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Já está disponível a inscrição para professor temporário para o estado do Rio Grande do Norte. 


O candidato que desejar concorrer a uma vaga deve preencher a ficha, fazer o pagamento da inscrição, efetuar o pagamento da taxa de inscrição e  entregar todos os documentos na respectiva DIRED do município para qual optou na Ficha de Inscrição, até às 13 horas, do dia 10 de maio de 2017.

Para ter acesso a inscrição CLICK AQUI.

Política: O que muda para Nova Cruz com o governo Targino Pereira...

Prefeito de Nova Cruz Targino Pereira deverá restituir cofre público municipal em mais de 900 mil...

Atual prefeito da cidade de Nova Cruz é condenado pelo  TCE- PB, que  decidiu na última quarta-feira (12), por maioria, que o então ex-prefeito de Tacima, Targino da Costa Pereira Neto, deve restituir aos cofres municipais importância superior a R$ 900 mil, em razão de irregularidades que, em meio a outras, incluíram gastos públicos com campanha eleitoral e festa da vitória, folha de pessoal de fazenda particular, uso indevido de recursos do Fundeb e pagamentos por obras não executadas.  A decisão encontra-se no site do TCE do Estado da Paraíba que relata condenações a outros gestores públicos do estado. 
Para ler direto do Site do TCE CLICK AQUI. Fonte: Ascom/TCE-PB