Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 1, 2016

Prefeito de Nova Cruz usa rede social para esclarecer cobranças feitas pela CEF...

O Prefeito de Nova Cruz, usou sua página pessoal do facebook para esclarecer a respeito de cobranças feito pela Caixa Econômica Federal a respeito da falta de pagamentos dos empréstimos consignados.
Veja o diz a nota:
ESCLARECIMENTO AOS SERVIDORES MUNICIPAIS - Nesses últimos dias alguns funcionários procuraram a Prefeitura para reclamar que estavam recebendo AVISOS DE COBRANÇA de seus CRÉDITOS CONSIGNADOS. 
Estranhando que isso venha acontecendo, já que a Prefeitura vem cumprindo de forma correta o Convênio, acionamos a Gerência da Agência da CEF para relatar essa situação, ou seja, a expedição indevida dessas notificações.

Nesta quarta-feira recebi do Sr. Gerente da Agência da CEF de nossa cidade. Sr. Antonio Navarro de Moraes Barreto Neto, essa NOTA DE ESCLARECIMENTO que repasso para o conhecimento de nossos funcionários. Nela está parente que " A PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA CRUZ REALIZA DE FORMA PONTUAL TODOS OS REPASSES REFERENTE AO CONTRATO DE CREDITO CONSIGNADO CELEBRADO COM E…

Prefeituras do RN querem R$ 100 milhões...

O presidente da Femurn, Ivan Júnior, informou que os municípios entraram na Justiça com o estado, contra o governo federal, para receber o valor das multas da repatriação. As prefeituras potiguares aguardam um montante que soma R$ 100 milhões. Ele seria suficiente para pagar as folhas. Ivan contou que os prefeitos estão entrando com ações individuais na Justiça Federal para buscar soluções mais rápidas. “Nós estamos contando com esses recursos para pagar salários e décimo. Vai ser muito difícil pagar sem isso. Pode ser que alguns municípios consigam. Em Açu estamos conseguindo, vai ser difícil, mas a maioria vai enfrentar dificuldade”, argumenta. Segundo ele, 50% dos municípios já estão devendo salários. Para o prefeito, falta sensibilidade do governo federal e a percepção da importância do municipalismo. Ele acredita que a crise só vai acabar quando os municípios estiverem fortes, com condições de pagar os seus compromissos. O presidente da Femurn ainda apontou que os gestores estão pro…