Pular para o conteúdo principal

Quadrilha desarticulada desviou mais de R$ 1 milhão no RN e na Paraíba...

Do G1-RN

A quadrilha desarticulada na Operação Quimera V, realizada nesta quinta-feira (16) pela Polícia Federal, causou prejuízo de mais de R$ 1 milhão aos bancos nos estados do Rio Grande do Norte e Paraíba. Segundo a PF, os criminosos usavam documentos falsos para fazer empréstimos consignados e sacar precatórios judiciais em nome de outras pessoas.

De acordo com a delegada Polyana Pimenta, a quadrilha sabia quem podia fazer empréstimo consignado ou tinha ganhado alguma causa na Justiça e estava para receber algum valor em dinheiro. "O próprio bancário era iludido, achava que a documentação estava OK e fazia os contratos em boa fé", afirma.

Só quando essas pessoas iam ao banco receber o dinheiro que percebiam a fraude. "Eles iam na frente e retiravam a pensão e até os precatórios, que uma pessoa demora uma vida pra receber", diz. Polyana conta que grande parte das vítimas tinha contracheque fixo. "Eram servidores públicos, aposentados, pensionistas", enumera.

Prisões


No RN, mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva foram cumpridos em Natal, Parnamirim, Nova Cruz, Tibau do Sul e Lagoa D'Anta. Já na Paraíba, foram cumpridos em João Pessoa e Sapé. Segundo o delegado Paulo Henrique, os criminosos serão indiciados por estelionato, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candidatos a professor temporário já podem realizar suas inscrições...

Já está disponível a inscrição para professor temporário para o estado do Rio Grande do Norte. 


O candidato que desejar concorrer a uma vaga deve preencher a ficha, fazer o pagamento da inscrição, efetuar o pagamento da taxa de inscrição e  entregar todos os documentos na respectiva DIRED do município para qual optou na Ficha de Inscrição, até às 13 horas, do dia 10 de maio de 2017.

Para ter acesso a inscrição CLICK AQUI.

Política: O que muda para Nova Cruz com o governo Targino Pereira...

Prefeito de Nova Cruz Targino Pereira deverá restituir cofre público municipal em mais de 900 mil...

Atual prefeito da cidade de Nova Cruz é condenado pelo  TCE- PB, que  decidiu na última quarta-feira (12), por maioria, que o então ex-prefeito de Tacima, Targino da Costa Pereira Neto, deve restituir aos cofres municipais importância superior a R$ 900 mil, em razão de irregularidades que, em meio a outras, incluíram gastos públicos com campanha eleitoral e festa da vitória, folha de pessoal de fazenda particular, uso indevido de recursos do Fundeb e pagamentos por obras não executadas.  A decisão encontra-se no site do TCE do Estado da Paraíba que relata condenações a outros gestores públicos do estado. 
Para ler direto do Site do TCE CLICK AQUI. Fonte: Ascom/TCE-PB